segunda-feira, 16 de novembro de 2015

As boas leituras - São João Bosco

Além do tempo destinado às orações da manhã e da noite, eu vos aconselho que dediqueis algum tempo à leitura de livros que tratem de coisas espirituais, como A Imitação de Cristo; a Filotéia, de São Francisco de Sales; a Preparação para a morte, de Santo Afonso Maria de Ligório; Jesus ao coração do jovem, vidas de santos e outros livros semelhantes.

Grandes vantagens vossa alma obterá com a leitura desses livros; e maior será o vosso merecimento aos olhos de Deus se contais a outros o que ledes, ou se fizerdes a leitura em sua presença, sobretudo se for para pessoas que não sabem ler.

Se vos recomendo a leitura dos bons livros, devo também vos recomendar encarecidamente que fujais, como da peste, dos maus livros e das más publicações.

Os livros, jornais ou impressos em que a religião e a moral são menosprezadas, lançai-os ao fogo como faríeis com o veneno. Imitai os cristão de Éfeso, que logo que ouviram de São Paulo o mal que produziam tais livros, apressaram-se a levá-los à praça pública, e fizeram com eles uma fogueira, preferindo que antes caíssem os livros no fogo do que suas almas no inferno.

Nosso corpo se debilita e morre se não o alimentamos; do mesmo modo nossa alma perde o vigor se não lhe damos aquilo de que ela necessita: o alimento da alma é a palavra de Deus, quer dizer, a pregação e a explicação do Evangelho, o catecismo.

Apressai-vos, pois, a ir logo à igreja: permanecei nela com a maior atenção e aproveitai-vos dos conselhos que vos sejam úteis.

É muito conveniente e até necessário para vós a assistência ao catecismo. Não vos escuseis dizendo que já fizestes a Primeira Comunhão: pois mesmo depois dela tendes necessidades de sustentar a alma, como alimentais diariamente o corpo: e se a privais desse alimento espiritual, ela ficará exposta a grandes males.

Quando ouvirdes a palavra de Deus, evitai as sugestões do demônio que vos engana dizendo-vos: "Isto o pregador está dizendo por causa de fulano, ou de sicrano". Não, meus caros filhos! O pregador se dirige a cada um de vós, e quer que apliqueis a cada um de vós as verdades que está expondo.

Além do mais, se um conselho não servir para vos corrigir de algo que tenhais feito no passado, ele servirá para vos preservar de cair no futuro.

Quando ouvirdes a palavra de Deus, tratai de recordá-la durante o dia; e à noite, antes de vos deitardes, parai um pouco refletindo no que foi ouvido; desse modo tirareis grande proveito para a alma.

Também vos recomendo cumprir os deveres religiosos, na medida do possível, na vossa própria paróquia, pois o pároco é a pessoa destinada especialmente por Deus para cuidar de vossa alma.

Fonte:

Nenhum comentário:

Postar um comentário